Domingo, Agosto 18
BÍBLIA DE ESTUDO

    Aqueles que ganharam a salvação pela fé podem entrar no reino de Deus?

    Alguns cristãos acreditam que, se aceitarem a salvação da cruz do Senhor Jesus, reconhecerem verbalmente o Senhor e crerem Nele com seus corações, ele serão salvos e poderão entrar no reino celestial. Há também uma base bíblica para essa crença, que é: “Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo. Pois é com o coração que se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação” (Romanos 10:9–10). Eles, portanto, acreditam com ainda mais força que aqueles que são salvos pela fé podem entrar no reino celestial. Mas há alguns cristãos que permanecem confusos e pensam que, visto que somos capazes de perder a cabeça e atacar as pessoas em nosso cotidiano, a ponto de não conseguirmos mostrar tolerância e paciência para com nossos familiares e podemos mentir para enganar os outros em nosso dia a dia, será possível que entraremos no reino de Deus mesmo pecando assim? Vamos comungar sobre esse assunto hoje.

    Como todos os que acreditam no Senhor com sinceridade sabem, em nossa fé, devemos basear tudo o que fazemos nas palavras de Deus, pois a palavra Dele é o fundamento de nossa fé em Deus e a referência pela qual entraremos no reino celestial. Assim, o que Deus diz sobre entrarmos no reino celestial? O Senhor Jesus disse: “Nem todo o que Me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de Meu Pai, que está nos céus” (Mateus 7:21). “Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. Ora, o escravo não fica para sempre na casa; o filho fica para sempre” (João 8:34–35). “Sereis pois santos, porque Eu sou santo” (Levítico 11:45). De acordo com as palavras de Deus, verificamos que as pessoas que apenas creem no Senhor em seus corações, que oram verbalmente ao Senhor, mas que cometem pecados com frequência todos os dias, não podem entrar no reino de Deus. Como Deus é santo, absolutamente nenhum pecador pode entrar em Seu reino, e isso é decidido pelo caráter justo de Deus. Portanto, somos capazes de refletir sobre nós mesmos à luz das palavras de Deus para ver se cumprimos ou não os critérios para entrar no reino celestial.

    Depois que aceitamos a redenção do Senhor Jesus, lemos a Bíblia com frequência, oramos, participamos de reuniões, confessamos, nos arrependemos ao Senhor, desenvolvemos autodisciplina e, com certeza, vivenciamos muitas mudanças em nosso comportamento, tais como abster-nos de roubar, furtar, brigar e abusar verbalmente de outras pessoas, também deixamos de fumar e beber e demonstramos tolerância e paciência com os outros. Algumas pessoas também fazem doações monetárias e até dedicam os anos de sua juventude para trabalhar e pregar na igreja. Mas há um fato que não pode ser menosprezado: quando surge algo que diz respeito a dinheiro, fama ou fortuna, não podemos evitar planejar uns contra os outros e competir em busca de lucro; muitas vezes, revelamos arrogância e presunção na relação com as outras pessoas, menosprezando e depreciando nossos semelhantes. Embora acreditemos e sigamos o Senhor da boca para fora, ainda somos capazes de seguir as pessoas, admirando-as e idolatrando-as. Quando servimos ao Senhor, ainda buscamos prestígio, status e queremos ser muito estimados. Em nossa abordagem das tarefas que nos foram confiadas pelo Senhor, agimos de acordo com nossas preferências e emoções, e podemos ser desprezíveis e devassos. Quando calamidades acontecem, naturais ou provocadas pelo homem, nossos corações podem compreender mal e culpar a Deus, a ponto de negá-Lo e traí-Lo, e assim por diante. Essa grande quantidade de comportamentos e expressões não demonstram que ainda somos pecadores? Então, como podemos dizer que temos condições de entrar no reino celestial? Portanto, a ideia de que “somos salvos pela nossa fé e podemos entrar no reino celestial” só vem de nossos equívocos e imaginações.

    Aqueles que ganharam a salvação pela fé podem entrar no reino de Deus?

    Lendo uma passagem das palavras de Deus, entenderemos melhor por que aqueles que são meramente salvos pela fé não podem entrar no reino de Deus. As palavras de Deus dizem: “Na época, a obra de Jesus foi a redenção de toda a humanidade. Os pecados de todos que acreditavam Nele foram perdoados; contanto que você acreditasse Nele, Ele o redimiria; se você acreditasse Nele, não era mais pecador e estava aliviado de seus pecados. É isso que significava ser salvo e ser justificado pela fé. No entanto, naqueles que acreditavam ainda restava o que era rebelde e se opunha a Deus e o que ainda precisava ser removido lentamente. A salvação não significava que o homem havia sido completamente ganho por Jesus, mas sim que o homem não era mais do pecado, que ele havia sido perdoado de seus pecados: se você acreditasse, nunca mais seria do pecado.

    As palavras de Deus são cristalinas. Na verdade, a obra de redenção realizada pelo Senhor Jesus foi feita principalmente para salvar a humanidade da lei e dos mandamentos, para que o homem não fosse mais condenado ou sentenciado à morte pela lei. Porque no final da Era da Lei a humanidade estava sendo corrompida com cada vez mais profundidade por Satanás e não era mais capaz de observar a lei, todos os homens enfrentavam o perigo de ser condenados à morte pela lei. Deus criou os humanos para viverem vidas normais na terra e para que pudessem adorá-lo. Se todos fossem condenados à morte pela lei, então o significado da criação da humanidade por Deus se perderia. Portanto, Deus encarnou em pessoa para realizar a obra que pôs fim à Era da Lei e iniciou a Era da Graça, e que salvou o homem do perigo de ser condenado à morte pela lei. Depois disso, se as pessoas aceitassem a salvação do Senhor Jesus, elas se qualificariam para orar ao Senhor, confessar e arrepender seus pecados, e tais pecados poderiam então ser perdoados, e, assim, os humanos foram salvos. Justamente como disse o Senhor Jesus: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele” (João 3:16–17). Deus nos ama e, para nos salvar da escravidão da lei, Ele encarnou em pessoa e se tornou nossa oferta pelo pecado. Portanto, ser salvos pela nossa fé no Senhor Jesus significa, em primeiro lugar, que escapamos da maldição da lei e que Deus não nos considera mais pecadores. Da mesma forma, um criminoso que cometeu todos os tipos de crimes pode ser perdoado por um juiz benevolente e absolvido, mas isso não significa que ele jamais cometerá um crime novamente. Mesmo que o Senhor Jesus tenha perdoado nossos pecados, ainda somos capazes de pecar com frequência, e nossa natureza pecaminosa ainda não foi extirpada, ainda não purificada, e por isso somos incapazes de entrar no reino de Deus.

    Trigo e sol

    Neste ponto, alguns irmãos e irmãs podem dizer: “Pela comunhão acima, vemos, com certeza, que nossos pecados são perdoados por causa da redenção do Senhor Jesus e que somos salvos por nossa fé. E, no entanto, ainda somos capazes de cometer pecados com frequência e não conseguimos entrar no reino de Deus. Então, como podemos ser purificados e entrar no reino de Deus?”

    Lendo várias passagens das Escrituras, conheceremos a resposta a essa pergunta. O Senhor Jesus disse: “Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, Aquele, o Espírito da verdade, Ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por Si Mesmo, mas dirá o que tiver ouvido, e vos anunciará as coisas vindouras(João 16:12-13). “Porque o Pai a ninguém julga, mas deu ao Filho todo o julgamento” (João 5:22). Está escrito na Primeira Epístola de Pedro 1:5: “Que pelo poder de Deus sois guardados, mediante a fé, para a salvação que está preparada para se revelar no último tempo.” Em Hebreus 9:28 está dito: “Assim também Cristo, oferecendo-se uma só vez para levar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que O esperam para salvação.” Por esses versículos, vemos que o Senhor retornará nos últimos dias, que Ele expressará mais verdades às igrejas e usará a verdade para realizar a obra de julgar o homem. Deus quer resolver nossos caracteres corruptos para que possamos ser purificados por completo e elevados ao reino celestial. Esta é a salvação dos últimos dias.

    Deus diz: “Os pecados do homem foram perdoados, e isso foi por causa da obra da crucificação de Deus, mas o homem continuou a viver no caráter satânico corrupto antigo. Sendo assim, o homem deve ser completamente salvo de seu caráter satânico corrupto para que a natureza pecaminosa do homem seja completamente extirpada para nunca mais se desenvolver, permitindo, assim, que o caráter do homem seja transformado. Isso requer que o homem entenda a senda do crescimento na vida, entenda o caminho da vida e entenda o caminho para mudar seu caráter. Além disso, requer que o homem aja de acordo com essa senda, para que o caráter do homem possa ser mudado paulatinamente e que ele possa viver sob o brilho da luz, para que tudo o que ele faça esteja de acordo com a vontade de Deus, para que ele possa eliminar o seu caráter satânico corrupto e para que possa libertar-se da influência das trevas de Satanás, emergindo, assim, completamente do pecado. Só então o homem receberá a salvação completa.” “As pessoas não podem mudar seu próprio caráter; elas devem submeter-se ao julgamento, ao sofrimento e ao refinamento da palavra de Deus, ou o lidar, a disciplina e a poda pela Sua palavra. Só depois disso elas podem alcançar a obediência e a devoção a Deus.

    As palavras de Deus são muito claras. Na Era da Graça, o Senhor Jesus realizou a obra de redimir a humanidade e assim Ele nos salvou do perigo de sermos condenados à morte pela lei e pelos mandamentos. Se aceitarmos a salvação do Senhor, não seremos mais pecadores e Sua oferta pelo pecado terá nos salvado. No entanto, ainda possuímos caracteres tão corruptos quanto a arrogância, a presunção, a impiedade, a maldade e a ganância, e, assim, cometemos pecados, e não podemos ser compatíveis com Deus, nem entrar em Seu reino. Se quisermos nos livrar completamente das amarras do pecado, deixar de ser dominados por nossos caracteres corruptos satânicos e não vivermos mais por filosofias satânicas, devemos aceitar a obra de julgamento de Deus nos últimos dias, permitir que nossos caracteres corruptos se transformem através das verdades expressas por Deus e, enfim seremos capazes de conhecer, obedecer e adorar verdadeiramente a Deus. Então, e somente então, podemos dizer que alcançamos a salvação completa de Deus e seremos capazes de entrar em Seu reino.

    Eu confio que, através da comunhão de hoje, todos terão em seus corações as respostas às perguntas: “Aqueles que são salvos pela fé entram no reino de Deus?” e “Como podemos entrar no reino de Deus?” Graças a Deus por Sua liderança!

    Por Saverio, Itália


    Veja também:
    1-Estudo sobre salvação: O que é realmente ser salvo?
    2-O mistério do reino de Deus escondido na oração do Senhor

    Por favor, leia e concorde com a nossa política de privacidade abaixo para começar a conversar com a gente.

    Você leu e concordou com a nossa política de privacidade?