Inscreva-se

Menu

Ter fé no Senhor é equivalente a ter fé na Bíblia?

O grupo de estudo da Bíblia online está tão ativo hoje.Um debate está por começar. Agora todos estão ansiosos por ele.

Li Zheng (Presidente): Irmãos e irmãs, que a paz esteja conosco!

Sejam todos bem-vindos! Graças ao Senhor por nos unir. É hora do nosso debate público. Declaro agora o debate aberto. Graças a Deus!

A questão que iremos discutir hoje é: “Crer no Senhor significa crer na Bíblia?” Durante o debate, a Afirmativa e a Negativa podem expressar seus pontos de vista livremente; e, se outros irmãos e irmãs tiverem alguma opinião, sintam-se à vontade para expressá-la.

(Neste momento, uma discussão fervorosa surge no grupo de bate-papo.)

Seeker (usuário): Mal posso esperar!

Muguang (usuário): Este tipo de debate é realmente ótimo.

Li Zheng (presidente): Certo, participantes, estão prontos? Por favor, expressem seus pontos de vista.

Ma Qiang (1ª negativa): Que o Senhor nos guie neste debate. Nosso ponto de vista é que“crer no Senhor significa crer na Bíblia”.Ingressamos na nossa fé pela leitura da Bíblia e sempre praticamos a fé de acordo com ela, e aqueles que creem no Senhor fazem isso há dois mil anos. A Bíblia não é apenas um testemunho ao Senhor, mas também o fundamento de nossa fé. Então, defendemos que a Bíblia representa o Senhor. Crer no Senhor significa crer na Bíblia e crer na Bíblia significa crer no Senhor. Nunca devemos nos afastar da Bíblia, não importa o que aconteça. Como praticaríamos a fé sem a Bíblia? Terminei minha opinião.

Cui Bingzhe (2ª negativa): Amém! Devemos basear nossa fé na Bíblia; separar-se da Bíblia significa não crer no Senhor. As pessoas não vêm crendo em Deus por milhares de anos de acordo com a Bíblia? Logo, nosso ponto de vista é irrefutável.

Li Zheng (Presidente): Os participantes da Negativa foram claros. Afirmativa, é sua vez de fazer uma declaração.

Zheng Zhisheng (1ªafirmativa): (Ele estava calmo e confiante.) Graças a Deus. Nosso ponto de vista é que“crer na Bíblia não representa crer no Senhor”. Muitas pessoas acreditam que a Bíblia representa o Senhor, que crer no Senhor significa crer na Bíblia, e que crer na Bíblia significa crer no Senhor. Elas acham que a Bíblia é suprema, e até tratam a Bíblia e o Senhor como iguais; e, em seu coração, já substituíram Deus pela Bíblia. Mas estas coisas são segundo o coração de Deus? Como crentes em Deus, nós devemos honrá-Lo como grande e supremo, colocando-O em primeiro lugar em tudo, e devemos trilhar a senda da fé de acordo com a vontade Dele. A Bíblia é apenas um livro. Como ela pode representar totalmente tudo que Deus tem e é? Além disto, podemos ganhar a obra do Espírito Santo aderindo à Bíblia? Aderir à Bíblia é igual a fazer a vontade do Pai celestial? O Senhor Jesus disse: “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus” (Mateus 7:21). O Senhor Jesus foi bem claro: apenas aqueles que fazem a vontade do Pai celestial entrarão no reino dos céus. Seguir a Bíblia não é igual a fazer a vontade do Pai celestial, muito menos significa que podemos entrar no reino dos céus.

Bíblia

Li Chuanyang (2ª afirmativa):(Ele continuou o assunto.) Concordo. Por milhares de anos, as pessoas têm adorado a Bíblia cegamente e tratado a Bíblia e o Senhor como iguais. Algumas até usam a Bíblia para substituir o Senhor e Sua obra, mas ninguém realmente conhece e ama o Senhor, nem obedece a Ele. Os fariseus eram bem versados na Bíblia, mas pregaram o Senhor Jesus na cruz porque se agarraram à Bíblia. Que problema essa situação mostra? Entender a Bíblia significa conhecer Deus? Agarrar-se à Bíblia significa seguir o caminho do Senhor? Os fariseus eram especialistas no conhecimento bíblico, mas não conheciam Deus nem Sua aparição. Em vez disso, eles crucificaram o Senhor Jesus, que expressou a verdade e fez a obra redentora, à cruz. Isso não é um fato inegável? Por que os fariseus condenaram e se opuseram ao Senhor Jesus apesar de interpretarem a Bíblia? Não foi porque só se agarraram à Bíblia mas não buscaram conhecer Deus? Como está claro, aqueles que não obedecem ao Senhor nem O adoram, mas só creem cegamente na Bíblia e a adoram, não receberão a aprovação de Deus. Se a fé do homem consiste apenas em obedecer à Bíblia enquanto em seu coração não há espaço para o Senhor, se ele não consegue honrar o Senhor como grande nem praticar Suas palavras, se é incapaz de aceitar ou obedecer à obra de Deus ou Sua orientação, então este homem não é um fariseu hipócrita? Não é um anticristo que fez do Cristo seu inimigo? Logo, se o homem só se apoia na Bíblia, isso não significa que ele obteve a verdade ou a vida. Assim, pode-se ver que crer na Bíblia não significa crer no Senhor.Isso é um fato irrefutável.

(Neste momento, há muitos comentários no grupo Wechat.)

Li Zhongming (usuário): Ah, esta opinião é bastante coerente. Nunca ouvi falar de uma comunhão como esta.

Lin Junxi (usuário): De fato! Esta comunhão é bastante clara e esclarecedora.

(A Negativa continua seu argumento.)

Ma Qiang (1ª negativa): (Ele não se deu por vencido.) Sua opinião soa um tanto razoável, mas não concordamos com ela. Acreditamos que a fé em Deus deve ser baseada na Bíblia porque a Bíblia representa Deus. Para satisfazer Deus, temos que basear nossa fé na Bíblia; sem a Bíblia, como podemos saber como satisfazê-Lo? Acreditamos que temos que continuar crendo na Bíblia, e somente assim podemos saber a vontade de Deus e entrar no reino dos céus. Isso não pode estar errado!

Li Zheng (Presidente): Agora nosso debate pegou fogo. Vamos ver como a Afirmativa refutará este ponto de vista.

Li Chuanyang (2ª afirmativa): Nas declarações da Negativa, eles afirmam que a Bíblia representa o Senhor, que crer na Bíblia é crer no Senhor, de forma que a fé no Senhor não pode se desviar da Bíblia. No entanto, a Bíblia pode mesmo nos levar a conhecer a vontade do Senhor? A Bíblia pode mesmo substituir o Senhor para nos salvar e nos levar ao reino dos céus? O Senhor Jesus disse: “Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna; e são elas que dão testemunho de mim; mas não quereis vir a mim para terdes vida!” (João 5:39-40). “Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14:6).

Destas palavras do Senhor, vemos que a Bíblia é meramente um testemunho de Deus e um registro de Sua obra passada. A Bíblia não representa Deus porque ela apenas contém um relato limitado das palavras e da obra de Deus. Como este limitado relato das palavras e da obra de Deus pode representá-Lo? Como sabemos, Deus é o Criador que a tudo permeia e é o Mestre de todas as coisas. A vida de Deus é ilimitada e inesgotável. A abundância de Deus e Sua grandeza não podem jamais ser entendidas pelo homem.De fato, o registro limitado de Suas palavras e de Sua obra, encontrado na Bíblia, é apenas uma gota no vasto oceano de Sua vida. Como a Bíblia poderia representar ou estar de igual com Deus? Mais importante, Deus pode fazer Sua obra para salvar o homem; a Bíblia pode fazer a obra e salvar o homem? Deus pode expressar a verdade, a Bíblia pode? Deus pode esclarecer, iluminar e guiar o homem a qualquer hora, a Bíblia pode? Claro que não. Então, a Bíblia não pode representar Deus. O homem põe a Bíblia de igual com Deus e acha que a Bíblia pode representá-Lo. Não é isso uma depreciação e blasfêmia a Deus? Se o homem substituirá a obra de Deus pela Bíblia, isso é uma negação e traição a Deus. Deus é Deus, a Bíblia é a Bíblia. A Bíblia não pode representar Deus, nem pode substituir a plenitude de Deus.

Neste momento, Zheng Zhisheng (1ªafirmativa) posta algumas palavras de Deus:

A Bíblia tem sido uma parte da história humana por vários milhares de anos. Além disso, as pessoas a tratam como Deus, ao ponto de, nos últimos dias, ela ter assumido o lugar de Deus, o que repugna Deus.

Ninguém conhece a realidade da Bíblia: que não é mais do que um registro histórico da obra de Deus e um testamento dos dois estágios anteriores da obra de Deus, e não oferece uma compreensão dos objetivos da obra de Deus. Todo mundo que leu a Bíblia sabe que documenta os dois estágios da obra de Deus durante a Era da Lei e a Era da Graça. O Antigo Testamento narra a história de Israel e a obra de Jeová desde o tempo da criação até o fim da Era da Lei. O Novo Testamento registra a obra de Jesus na terra que está nos Quatro Evangelhos, bem como a obra de Paulo; eles não são registros históricos?

“O que registraram, pode-se dizer, estava de acordo com seu nível educacional e com o calibre humano. O que registraram foram as experiências dos homens, cada um tinha seus próprios meios de registro e conhecimento, e cada registro era diferente. Assim, se você adora a Bíblia como Deus, você é extremamente ignorante e tolo! Por que você não busca a obra do Deus de hoje? Somente a obra de Deus pode salvar o homem. A Bíblia não pode salvar o homem, ele pode lê-la por muitos milhares de anos e ainda não haveria a mínima mudança nele, e se você adorar a Bíblia, nunca obterá a obra do Espírito Santo.”

Li Chuanyang (2ª afirmativa): Com base nestas palavras, podemos ver que a Bíblia é meramente um registro da obra passada de Deus e que não é nada além de um testemunho. A Bíblia não pode representar Deus, nem pode substituir Deus para fazer a obra de salvação. Se basearmos nossa fé apenas na leitura da Bíblia em vez de vivenciarmos a obra de Deus, nunca receberemos a obra do Espírito Santo nem seremos salvos. A obra de salvação de Deus é um desenvolvimento contínuo. Assim, não devemos nos fixar em um nem dois estágios da obra de Deus, mas devemos seguir os passos de Sua obra até que Ele complete Sua obra de salvar a humanidade. Somente assim nós poderemos obter a salvação total de Deus e entrar no agradável destino da humanidade. Se basearmos nossa fé meramente na Bíblia, nunca poderemos alcançar isso. Logo, a opinião da Negativa de que “crer na Bíblia significa crer em Deus” está errada!

(A Negativa não tem nada para refutar à Afirmativa e admite a derrota.

Em apenas alguns minutos, houve um grande número de comentários deixados pelos usuários.)

Zhuiqiu (usuário): Ah, essas palavras explicaram a verdade intrínseca da Bíblia de forma tão clara! Deus é o Senhor da criação e Ele é um Deus real e que vive. A Bíblia é apenas um livro de história que registra a obra passada de Deus. Como ela poderia estar de igual para igual com Deus? Creio no Senhor há tantos anos, mas como eu não pude entender um problema tão simples? Eu realmente tratei a Bíblia e o Senhor como iguais, pensando que crer no Senhor deveria se basear na Bíblia. Isso é tão absurdo. Minha crença em Deus era tão confusa. Se eu não tivesse presenciado este debate, talvez nunca entendesse a relação entre a Bíblia e o Senhor em toda a minha vida.

Seeker (usuário): Que comunhão excelente! Parece que crer na Bíblia não significa crer no Senhor e isso é uma visão que precisamos lembrar.

Xingwu (usuário): O ponto de vista da Afirmativa é realmente impressionante. Vale a pena assistir a este debate.

Li Zheng (presidente): Graças ao Senhor. O debate de hoje foi tão animado. Acredito que todos nós nos beneficiamos bastante com o debate e obtivemos um entendimento mais claro da relação entre a Bíblia e Deus: Deus é Deus, a Bíblia é a Bíblia; a Bíblia não pode representar Deus, nem pode substituir a plenitude de Deus; crer na Bíblia não significa crer no Senhor. Graças a Deus por Sua orientação e iluminação. Toda glória seja dada a Deus!

Tradução: Magda Marques

Deixe uma resposta