Inscreva-se

Menu

Duas grandes proibições ao investigar o verdadeiro caminho

By Xinyu, Spain

Enquanto todos estamos com os olhos voltados para o céu, ansiando pela volta do Senhor, em todo o mundo apenas a Igreja de Deus Todo-Poderoso testemunha abertamente que o Senhor Jesus já voltou e que Ele é Deus Todo-Poderoso em carne. Testemunham que Ele é a expressão de toda a verdade para julgar e purificar a humanidade a fim de que possamos ser libertos das algemas do pecado e salvos em plenitude por Deus. No entanto, quando algumas pessoas percebem que a Igreja de Deus Todo-Poderoso foi condenada pelo governo do PCC, bem como pelos pastores e presbíteros do mundo religioso, elas não buscam ou investigam, pensando não ser o verdadeiro caminho. Essa visão está certa? Estamos prestes a cooperar e examinar duas grandes proibições ao investigarmos o verdadeiro caminho para que todos possam encontrar o rumo certo para fazê-lo.

Proibição I

Quando algumas pessoas investigam o verdadeiro caminho, elas desejam primeiramente observar o que o governo do PCC tem dito a respeito da igreja achando que qualquer condenação dada pelo PCC certamente não é o verdadeiro caminho. Essa é a visão correta? Todos sabemos que Marx, fundador do Partido Comunista, era satanista e que o satanismo é mau e se opõe a todas e quaisquer formas de teísmo. O Partido Comunista é parte de um grupo de demônios ateístas hostis a Deus. Desde a fundação da República Popular da China, o governo do PCC tem feito o seu melhor para confirmar a China como uma zona de ateísmo, difundindo constantemente as ideias do ateísmo e da evolução a fim de enganar e corromper o povo. Também definiu o catolicismo e o protestantismo como cultos do mal e a Bíblia como literatura de culto do mal, além de atacarem e perseguirem os cristãos na esperança de acabar com todas as crenças religiosas. É um inimigo aberto de Deus. O governo do PCC é um regime satânico que se opõe a Deus e despreza a verdade. Como, então, poderia conhecer o verdadeiro caminho? Definitivamente é um absurdo intervir em questões de fé, além de uma aberração condenar qualquer grupo ou igreja por sua crença.

Há um ditado bem conhecido do PCC: “Uma mentira contada 10 mil vezes torna-se a verdade”. O PCC tomou de forma violenta o poder através da mentira e pela mentira mantém a violência. A repressão não irá parar por nada. A prova disso é o massacre do PCC no incidente de quatro de junho, bem como as revoltas em Xinjiang e Tibete: primeiro usaram a mídia para incriminar e caluniar os envolvidos e depois, a repressão violenta. Essa prática é comum entre eles. Além disso, o governo do PCC declarou inúmeras vezes ao mundo exterior que permite a liberdade religiosa, mas, à portas fechadas, prende e persegue com fúria os cristãos, forçando incontáveis crentes a fugir e famílias a desmoronar. Alguns foram perseguidos até a morte. O PCC descaradamente mente e engana as pessoas do mundo. Pode a verdade vir de um governo como esse? Podemos confiar na condenação de uma igreja? Como crentes, se não conseguimos ver através da essência maligna do governo do PCC, em oposição a Deus, mas simplesmente cremos cegamente na condenação da obra de Deus, a nossa salvação não corre risco? É por isso que a maior proibição para a investigação do verdadeiro caminho é ouvir o que o governo do PCC diz. Se o fizermos, seremos enganados pelas suas mentiras.

Proibição II

Na investigação do verdadeiro caminho, muitos crentes dão importância ao que pastores e presbíteros no mundo religioso têm a dizer pois acreditam que qualquer condenação feita por líderes religiosos não pode ser o verdadeiro caminho. Isso está de acordo com a verdade? O Senhor Jesus disse isso alguma vez? Quando o Senhor Jesus apareceu e exerceu seu ministério, Ele foi freneticamente oposto e condenado pelos líderes da religião judaica e eles mesmo tiveram conivência com o governo romano para que Ele fosse crucificado. Então, porque o Senhor Jesus foi condenado pelos líderes judaicos, podemos afirmar que Ele não era o verdadeiro Deus e o verdadeiro caminho? Com base nesse tipo de abordagem, não estaríamos condenando o Senhor Jesus? Vamos supor que fôssemos nascidos na era em que o Senhor Jesus apareceu e exerceu seu ministério. Daríamos ouvidos aos fariseus e condenaríamos o Senhor Jesus? Quando consideramos algo o verdadeiro caminho, a base não deveria ser a obra do Espírito Santo ou a expressão da verdade em vez do reconhecimento dos líderes no mundo religioso? Isso está de acordo com a verdade? Na nossa fé não podemos ouvir as pessoas em todas as coisas, especialmente quando se trata da investigação do verdadeiro caminho. Basta pensar que quando o Senhor Jesus apareceu e exerceu seu ministério, os principais sacerdotes e fariseus sabiam que não poderiam dar falso testemunho. Ainda assim, espalharam rumores caluniando e condenando o Senhor Jesus com toda intenção do coração. Mesmo depois da sua ressurreição, soldados romanos foram subornados para espalhar rumores a fim de encobrir o fato de que o Senhor Jesus havia ressuscitado dos mortos. E então, no fim das contas, o povo judeu comum não foi punido por Deus porque não tinha discernimento, mas porque colocou muito crédito em seus líderes religiosos, e foram, assim, enganados por seguirem os fariseus na condenação e rejeição ao Senhor Jesus? Que lição manchada de sangue!

A Igreja de Deus Todo-Poderoso agora dá testemunho de que o Senhor Jesus voltou. Como os líderes do mundo religioso abordaram isso? Eles sabem muito bem de que o governo do PCC está em oposição a Deus, ainda que tomem partido, e eles reproduzem aos crentes quaisquer rumores e calúnias nos quais o governo do PCC espalhe sobre a igreja. O Senhor Jesus também foi muito claro em suas palavras: “Mas à meia-noite ouviu-se um grito: Eis o noivo! saí-lhe ao encontro!” (Mateus 25:6). “Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á” (Mateus 7:7). No entanto, pastores e presbíteros do mundo religioso não só se recusam a buscar e a investigar o verdadeiro caminho, como falou o Senhor, mas, em vez disso, fazem tudo o que é possível para ficar no caminho e impedir os crentes de investigar o verdadeiro caminho. Isso não é uma violação flagrante das palavras do Senhor? Isso não destoa do Senhor?

Todos sabemos que o projeto de Deus está destinado a prosperar, enquanto o projeto do homem, a definhar e a falhar. Quando o Senhor Jesus estava exercendo seu ministério, embora os líderes judaícos condenassem sua obra, esta ainda foi capaz de se espalhar por todos os cantos do mundo e mais e mais pessoas aceitaram e reconheceram essa obra como o verdadeiro caminho. Da mesma forma, muitos pastores e presbíteros no mundo religioso de hoje estão condenando a obra de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias, mas ao longo de apenas duas décadas, o evangelho de Deus Todo-Poderoso dos últimos dias, espalhou-se por todo o continente chinês e agora está se expandindo para os confins da terra na velocidade da luz. O que podemos extrair disto é: o verdadeiro caminho será sempre o verdadeiro caminho. E mesmo que seja condenado por todo o mundo religioso, em última análise, será reconhecido e aceito por toda a humanidade; ninguém será capaz de parar o projeto de Deus. A autoridade é de Deus! Se não levarmos em conta esses fatores e não examinarmos o verdadeiro caminho, mas, em vez disso, seguirmos cegamente o que pastores e presbíteros dizem, a investigação do verdadeiro caminho não estará correta. Com essa abordagem, é muito fácil cometer o mesmo erro do povo judeus, e, assim, ser abandonado e excluído pelo Senhor.

A abordagem correta para investigar o verdadeiro caminho

Podemos confirmar, a partir desta comunhão, que quando investigamos o verdadeiro caminho, não podemos dar ouvidos ao governo do PCC e nem aos líderes religiosos. Então, qual é a abordagem certa para investigar o verdadeiro caminho? O Senhor Jesus disse, “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a Minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele Comigo” (Apocalipse 3:20). “As Minhas ovelhas ouvem a Minha voz, e Eu as conheço, e elas Me seguem” (João 10:27). Deus Todo-Poderoso afirma, “Uma vez que estamos buscando as pegadas de Deus, cabe a nós buscar a vontade de Deus, as palavras de Deus, Suas declarações — pois onde quer que haja novas palavras ditas por Deus, a voz de Deus está ali, e onde quer que haja passos de Deus, os feitos de Deus estão ali. Onde quer que haja a expressão de Deus, ali Deus aparece, e onde quer que Deus apareça, ali existem o caminho, a verdade e a vida. Na busca pelas pegadas de Deus, vocês ignoraram as palavras de que ‘Deus é o caminho, a verdade e a vida’. Assim, mesmo quando recebem a verdade, muitas pessoas não acreditam que tenham encontrado as pegadas de Deus e muito menos reconhecem a aparição de Deus. Que grave erro!” Deus é o caminho, a verdade e a vida. O que é fundamental e crítico na investigação do verdadeiro caminho é observar se ele contém a verdade de Deus, pois este é o princípio mais importante. Se pensarmos em quando o Senhor Jesus apareceu e exerceu seu ministério, Pedro, João e os outros apóstolos não acreditaram cegamente no que os principais sacerdotes e escribas judeus disseram e nem no regime romano. Em vez disso, focaram em ouvir o que o Próprio Senhor Jesus disse. E quando perceberam que Suas palavras continham autoridade e poder, que elas eram a expressão da voz de Deus, eles seguiram o Senhor Jesus e, finalmente, receberam a salvação do Senhor. E assim, em nossa atual busca e investigação do verdadeiro caminho, não podemos ouvir os rumores e as mentiras do governo do PCC, além de não seguirmos cegamente pastores e presbíteros do mundo religioso. Em vez disso, devemos colocar nosso foco em ouvir a voz de Deus e investigar se este caminho contém as expressões da verdade. É o essencial, o fundamental.

Deus Todo-Poderoso fez a obra do juízo começando pela casa de Deus na fundação da obra de redenção do Senhor Jesus. Ele expressou toda a verdade para purificar e salvar a humanidade. Estas palavras revelam tudo, incluindo o projeto de Deus de seis mil ano, o propósito de suas três etapas de trabalho, os mistérios de suas encarnações, sua obra de julgamento nos últimos dias, o resultado e o destino da humanidade. Além disso, Deus também revelou a verdade de nossa corrupção por Satanás, bem como das nossas expressões de viver de acordo com o pecado, tais como arrogância, egoísmo e desprezo, um a um. Deus tem mostrado o que ele quer para a humanidade, pois assim saberemos como ser obedientes e reverentes a Deus, libertarmos completamente das algemas do pecado e sermos purificados. Isso cumpre esta profecia do Senhor Jesus: “Ainda tenho muito que vos dizer; mas vós não o podeis suportar agora. Quando vier, porém, Aquele, o Espírito da verdade, Ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por Si mesmo, mas dirá o que tiver ouvido, e vos anunciará as coisas vindouras” (João 16:12-13). “E, se alguém ouvir as Minhas palavras, e não as guardar, Eu não o julgo; pois Eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo. Quem Me rejeita, e não recebe as Minhas palavras, já tem quem o julgue; a palavra que tenho pregado, essa o julgará no último dia” (João 12:47-48). Verdadeiros crentes de todas as denominações que ansiavam pela aparição e obra de Deus reconheceram a Sua voz nas palavras de Deus Todo-Poderoso, determinaram que Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus que voltou e está diante de Deus, um após o outro. Eles se concentraram em ouvir a voz de Deus a fim de investigar o verdadeiro caminho e acolher o Senhor, recusando-se a ouvir a calúnia e a condenação do governo do PCC e do mundo religioso. Vendo que Deus Todo-Poderoso expressa a verdade, eles não foram tomados pelos rumores e mentiras de satanás, mas, sem dúvida, seguiram os passos do Cordeiro e foram finalmente arrebatados diante do trono de Deus. Eles receberam a salvação do Próprio Deus pois são como as virgens sábias. Mas quanto às virgens tolas que creem na mentira em vez da verdade e não se concentram em ouvir a voz de Deus, em última análise, elas são todas enganadas e engolidas por satanás e só podem acabar abandonadas e excluídas por Deus, caindo em desgraça. Cumpre-se aqui o que está escrito na Bíblia: “O Meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento” (Oséias 4:6). “Os insensatos, por falta de entendimento, morrem” (Provérbios 10:21). Portanto, se agora quisermos determinar se Deus Todo-Poderoso é o Senhor Jesus que voltou, nossa melhor abordagem é ver se o que Deus Todo-Poderoso expressa é a verdade, se é a voz de Deus. Devemos receber o Senhor pela voz de Deus. Basta isso para ser uma virgem sábia, e só assim podemos participar da festa com o Senhor.

Nota do editor

Ao ler este artigo, aprendemos que a maior proibição em nossa investigação do verdadeiro caminho é ouvir o governo do PCC e os pastores e presbíteros do mundo religioso. Ter a certeza de ouvir a voz de Deus é a única abordagem segura. Então, gostaria de saber mais sobre a Igreja de Deus Todo-Poderoso? Você gostaria de ler as palavras expressas por Cristo dos últimos dias? Você é bem-vindo para entrar em contato conosco a qualquer momento através do chat e canais de comunicação em nosso site.

Deixe uma resposta