Inscreva-se

Menu

10 versículos da Bíblia sobre como criar filhos

Como pais, esperamos que nossos filhos sigam a Deus e andem no caminho certo da vida. Mas por causa das tentações e tendências pecaminosas do mundo, muitas crianças se afastam de Deus e são feridas por Satanás. Então, como podemos ajudar nossos filhos? A Bíblia nos diz claramente que aprender sobre a palavra de Deus e os caminhos dEle desde bem pequenos resulta em benefícios ao longo de toda a vida. Leia estes 10 versículos bíblicos sobre o ensino de crianças e alguns artigos relacionados para descobrir como ensiná-los a andarem no caminho certo da vida.

Versículos bíblicos para referência:

Provérbios 22:6

Instrui o menino no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele.

Provérbios 23:13

Não retires da criança a disciplina; porque, fustigando-a tu com a vara, nem por isso morrerá.

Provérbios 29:15

A vara e a repreensão dão sabedoria; mas a criança entregue a si mesma envergonha a sua mãe.

Levítico 18:21

Não oferecerás a Moloque nenhum dos teus filhos, fazendo-o passar pelo fogo; nem profanarás o nome de teu Deus. Eu sou Jeová.

Deuteronômio 6:6-7

E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; e as ensinarás a teus filhos, e delas falarás sentado em tua casa e andando pelo caminho, ao deitar-te e ao levantar-te.

Efésios 6:4

E vós, pais, não provoqueis à ira vossos filhos, mas criai-os na disciplina e admoestação do Senhor.

Colossenses 3:21

Vós, pais, não irriteis a vossos filhos, para que não fiquem desanimados.

Salmos 127:3

Eis que os filhos são herança da parte de Jeová, e o fruto do ventre o seu galardão.

Isaías 54:13

E todos os teus filhos serão ensinados de Jeová; e a paz de teus filhos será abundante.

1 Timóteo 3:4

Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com todo o respeito.

Palavras de Deus relevantes:

Além do nascimento e da criação, a responsabilidade dos pais na vida de um filho é simplesmente proporcionar-lhe um ambiente formal para crescer, pois nada, exceto a predestinação do Criador, tem relação com o destino da pessoa. Ninguém pode controlar que tipo de futuro uma pessoa terá; ele é predeterminado com grande antecedência e nem mesmo os pais podem mudar o destino da pessoa. No que diz respeito ao destino, todos são independentes, e todos têm destino próprio. Logo, nenhum pai pode protelar o destino da pessoa na vida nem exercer a menor influência sequer no papel que ela desempenha na vida. Pode-se dizer que a família em que uma pessoa é destinada a nascer e o ambiente em que ela cresce nada mais são do que as precondições para o cumprimento da sua missão na vida. De modo algum eles determinam o destino da pessoa na vida nem o tipo de destino em meio ao qual ela cumpre a sua missão. E, portanto, os pais não podem ajudar a pessoa a realizar sua missão na vida, nem os parentes podem ajudá-la a assumir seu papel na vida. Como uma pessoa realiza sua missão e em que tipo de ambiente vital ela exerce seu papel são inteiramente determinados pelo destino da pessoa na vida. Ou seja, nenhuma outra condição objetiva pode influenciar a missão de uma pessoa, que é predestinada pelo Criador. Todas as pessoas amadurecem em seus ambientes específicos de crescimento; depois, gradativamente, passo a passo, tomam as próprias estradas na vida e consumam os destinos planejados para elas pelo Criador. Natural e involuntariamente, elas entram no vasto mar da humanidade e assumem seus postos na vida, onde começam a desempenhar suas responsabilidades como seres criados em prol da predestinação do Criador, em prol da Sua soberania.”

A Palavra, vol. 2: Sobre conhecer a Deus, “O Próprio Deus, o Único III”

Deixe uma resposta