Inscreva-se

Menu

Salmos 123

1A ti levanto os meus olhos, ó tu que estás entronizado nos céus.

2Eis que assim como os olhos dos servos atentam para a mão do seu senhor, e os olhos da serva para a mão de sua senhora, assim os nossos olhos atentam para o Senhor nosso Deus, até que ele se compadeça de nós.

3Compadece-te de nós, ó Senhor, compadece-te de nós, pois estamos sobremodo fartos de desprezo.

4A nossa alma está sobremodo farta da zomabaria dos arrogantes, e do desprezo dos soberbos.

Anterior Próximo