Inscreva-se

Menu

A seguir

Testemunho da Vida da Igreja "Reflexões sobre a perda do meu dever"

0 28/01/2022

Quando o protagonista assumiu um dever na igreja, ele estava determinado a cumpri-lo bem para retribuir o amor de Deus. Mas ele começou a se ressentir quando o trabalho foi ficando exigente e um pouco cansativo – ele não estava disposto a enfrentar adversidades. Ele escolhia tarefas mais fáceis e fugia das mais difíceis, e só fazia o necessário. Até ria dos irmãos que realmente se dedicavam ao seu dever. Ele foi podado e tratado, mas não refletiu sobre si mesmo, pensando que não tinha feito nada para atrasar seu trabalho. Eventualmente, foi demitido de seu dever porque ele se recusava a corrigir sua atitude, e só então ele veio para diante de Deus em oração, lendo as palavras de Deus e refletindo sobre si mesmo. Que tipo de entendimento pessoal ele ganhou do julgamento e castigo das palavras de Deus? Que tipo de ceifa ele colheu e como isso o transformou? Descubra em “Reflexões sobre a perda do meu dever”.

Deixe uma resposta