Domingo, Agosto 18
BÍBLIA DE ESTUDO

    Devocional para hoje: Qual é o padrão para entrar no reino dos céus?

    Era um dia cinzento e não havia um raio de sol para ser visto. Sentei-me à escrivaninha para ler as escrituras: “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a sua vinda” (2 Timóteo 4:7-8). Ao ler estas palavras, lembrei-me dos meus vinte anos de seguimento do Senhor: Eu estou imitando Paulo, gastando-me pelo Senhor. Não importa qual seja o clima, ensolarado ou frio, eu sempre protejo o rebanho do Senhor. Eu sempre acreditei que, se continuar me esforçando assim e me apegar ao nome do Senhor e ao Seu caminho, com certeza serei recompensado e entrarei no reino dos céus quando Ele retornar. Contudo, quando compartilhei esse ponto de vista com os irmãos e irmãs depois da última reunião, o irmão Wu levantou uma questão: “O Senhor Jesus disse: ‘Nem todo o que Me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de Meu Pai, que está nos céus’ (Mateus 7:21). Das palavras do Senhor podemos ver que somente aqueles que fazem a vontade de nosso Pai celestial podem entrar no reino dos céus. O Senhor exige que sejamos honestos e humildes e nos amemos uns aos outros, mas ainda estamos engajados em fraudes e enganos diante de Deus e de nossos irmãos e irmãs. Nós somos ciumentos com relação a aqueles que pregam melhor que nós. Também podemos ser arrogantes e desconfiados quando nossos irmãos e irmãs apontam que nossas condutas são contraditórias a vontade do Senhor. Certas vezes, até o ódio reside em nosso coração. Com frequência deixamos de praticar as palavras do Senhor, cometendo pecados involuntariamente, mesmo depois de nos arrepender e confessar diante do Senhor. Acho que ainda não estamos cumprindo a vontade do nosso Pai no céu. Então, pessoas como nós podem entrar no reino dos céus quando o Senhor voltar?” É a verdade, como ele disse, que estamos sempre presos pelo pecado. Mas Romanos diz: “Pois é com o coração que se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação” (Romanos 10:10). Como o Senhor Jesus completou a obra da redenção quando morreu na cruz e perdoou nossos pecados, Ele não nos vê mais como pecadores e nos tornamos justos pela fé. Portanto, se abandonarmos tudo e trabalharmos duro pelo Senhor, seremos arrebatados para reino de Deus. É a promessa do Senhor. Então eu disse ao irmão Wu que não devemos ter dúvidas sobre isso, nem podemos duvidar de nossos meios de busca. No entanto, não discutimos esse problema por completo em nossa última reunião porque ficamos sem tempo. Tenho que esclarecer essa questão nesta reunião.

    Devocional para hoje: Qual é o padrão para entrar no reino dos céus?

    Assim que entrei no local da reunião, ouvi o irmão Wu e alguns colaboradores conversando sobre a entrada no reino dos céus. Ao me ver, o irmão Wu disse com seriedade: “Irmão Zhao, não comunicamos a verdade sobre entrar no reino dos céus com clareza da última vez. Eu gostaria de comungar com irmãos e irmãs hoje.” Então eu caminhei entre eles e me sentei, dizendo: “Certo, vamos conversar sobre esse tópico hoje. Você poderia compartilhar suas opiniões primeiro?”

    Sem preâmbulo, o irmão Wu disse: “Eu penso que ser salvo e entrar no reino dos céus não é a mesma coisa. Ser salvo se refere a ser livre da condenação da lei, e ao perdão dos pecados, mas aqueles que são salvos ainda podem resistir e se opor a Deus; enquanto os que entram no reino dos céus devem ser aqueles que fazem a vontade de nosso Pai no céu, que obedecem às palavras de Deus. São aqueles que conhecem e se submetem a Deus, que são compatíveis com Ele. Assim, na minha opinião, ser salvo e entrar no reino dos céus são dois assuntos diferentes. O Senhor Jesus disse: ‘Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos’ (Mateus 22:14). Eu sempre ponderei: é provável que aqueles que foram chamados sejam os que foram perdoados, enquanto os escolhidos são aqueles que entram no reino dos céus. Isto é, muitos são salvos, mas poucos entram no reino dos céus.”

    Logo depois que o irmão Wu terminou de falar, o irmão Wang disse com grande entusiasmo: “O que o irmão Wu disse é bastante razoável! O Senhor Jesus disse: ‘… o reino dos céus é tomado a força, e os violentos o tomam de assalto’ (Mateus 11:12). Eu não acho que entrar no reino dos céus seja tão fácil quanto imaginamos. Somente através do seguimento ativo do caminho do Senhor podemos entrar no reino dos céus”. Todos os irmãos e irmãs presentes falaram sobre o assunto, dizendo: “As palavras do irmão Wu são perspicazes e esclarecedoras. Parece que entrar no reino dos céus não é tão fácil quanto imaginamos.”

    Ouvindo o que eles disseram, pensei: “Nosso sacrifício pelo Senhor não é fazer a vontade do nosso Pai celestial? Como podemos não entrar no reino dos céus?” Então, eu os refutei com firmeza: “Irmão Wu, irmão Zhao, o que vocês disseram está correto. Nós devemos fazer a vontade do Pai celestial antes que possamos entrar no reino dos céus. Estamos imitando Paulo, renunciando a tudo pela obra do Senhor. Muitos irmãos e irmãs dedicaram toda a sua vida ao Senhor e nunca se casaram. Alguns suportaram ser ridicularizados e insultados ao pregar o evangelho. E outros foram presos pelo Partido Comunista Chinês, mas continuaram servindo ao Senhor depois de sair da prisão. Pode-se dizer que todos nós sofremos muito e pagamos um alto preço para entrar no reino dos céus. Não estamos fazendo a vontade do Pai celestial? Acredito que, se continuarmos seguindo esse caminho, certamente entraremos no reino dos céus. É inquestionável!” Alguns irmãos e irmãs concordaram com as minhas palavras, enquanto o irmão Wu e o irmão Zhao franziram o cenho levemente e ficaram em silêncio. Eu pensei: “Como creio e trabalho pelo Senhor há muitos anos, eu não deveria saber mais do que vocês a respeito da questão de entrar no reino dos céus?” Quando eu estava prestes a continuar, meu irmão mais novo disse de repente: “Eu não concordo com a sua opinião. Por toda a Bíblia, vemos que o Senhor Jesus nunca disse que, se alguém abandonasse tudo e trabalhasse por Ele, entraria no reino dos céus. Em vez disso, Ele disse: ‘mas aquele que faz a vontade de Meu Pai, que está nos céus.’ Assim, podemos ver que fazer a vontade de nosso Pai no céu é o único padrão para um crente entrar no reino dos céus. Penso que aqueles que fazem a vontade do Pai celestial de verdade devem ser os que amam a Deus de todo o coração, com toda a alma e com toda a mente. Eles alcançaram a santidade e nunca pecaram. Somente essas pessoas podem entrar no reino dos céus!”

    “Certo!” concordou o irmão Wang, “O Senhor Jesus disse:, ‘mas os justos para a vida eterna’ (Mateus 25:46). É evidente que os justos permanecerão no reino de Deus. Os justos aqui não se referem àqueles “justificados pela fé”, mas aos que realizam a justiça e não pecam mais. Embora agora possamos deixar de lado tudo pela obra do Senhor, ainda pecamos com frequência e não somos verdadeiramente justos. Portanto, não somos dignos de entrar no reino de Deus.”

    As palavras deles não me convenceram, por isso pensei: “Todos esses anos, nós agimos de acordo com as palavras de Paulo. Como as palavras de Paulo poderiam estar erradas?” Então, levantei a voz e disse com seriedade: “Meus colaboradores, o apóstolo Paulo já nos mostrou o caminho com relação à entrada no reino dos céus: ‘Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada…’ (2 Timóteo 4:7-8). A palavra de Paulo é suficiente para provar que quando pregamos o evangelho, trabalhamos, sofremos e mantemos a fé, estamos cumprindo a vontade de nosso Pai celestial. Ao fazer isso, podemos obter com certeza a coroa da justiça e entrar no reino dos céus!” Somente o irmão Lyu e alguns colaboradores concordaram comigo, enquanto outros irmãos e irmãs se entreolharam. Por um momento, houve um ar de tensão na reunião.

    Então o irmão Wu me disse: “Desculpe, mas eu não acho que o que você disse está de acordo a vontade do Senhor. Todos nós sabemos que os fariseus daquela época serviram a Deus Jeová no templo durante anos. Eles também viajaram por terra e mar, sofrendo muito por pregar o evangelho por toda parte, e se comportaram bem aparentemente. No entanto, quando o Senhor Jesus veio trabalhar, eles se opuseram a Ele e pregaram-No na cruz. Isso é suficiente para provar que sofrer e se comportar aparentemente bem não representam a vontade de nosso Pai celestial, nem o conhecimento e a submissão a Deus. Da mesma forma, hoje, sofremos, nos gastamos pelo Senhor, e nos comportamos bem na aparência, mas ainda assim vivemos em pecado. Nós somos vaidosos, traiçoeiros e egoístas. Quando encontramos algo que não se conforma com nossas noções, nós reclamamos com Deus, seguimos as tendências más do mundo e traímos a Deus. Como vivemos assim, ainda não somos aqueles que cumprem a vontade de nosso Pai celestial, e não somos dignos de entrar no reino dos céus.” Todos os irmãos e irmãs murmuraram concordando, dizendo: “É verdade! Faz sentido.” Envergonhado por sua réplica, levantei-me com raiva, falando: “Então é errado nos esforçarmos de acordo com as palavras de Paulo? Acredito com firmeza que, se seguirmos as palavras de Paulo, com certeza entraremos no reino dos céus!”

    Ao ouvir isso, meu irmão mais novo levantou-se e disse: “Entrar no reino dos céus não é seguir a palavra de Paulo, mas seguir a palavra do Senhor Jesus. Paulo não nos ensinou como seguir a vontade de nosso Pai celestial. É a opinião dele sobre um caminho para entrar no reino dos céus, e esta opinião já ficou contra a palavra do Senhor Jesus. Vamos acreditar que a palavra de Paulo é a verdade ou que a palavra do Senhor Jesus é a verdade? Vamos crer no Senhor Jesus ou em Paulo? Apenas a palavra do Senhor Jesus é a verdade. Como acreditamos em Deus, devemos tomar a palavra do Senhor Jesus como padrão para entrar no reino dos céus! O Senhor Jesus disse: ‘Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim’ (João 14:6). Como uma pessoa que crê em Deus, devemos seguir a palavra do Senhor Jesus se quisermos entrar no reino dos céus. Pois somente o nosso Senhor Jesus é a porta para o reino dos céus, o Rei do reino celestial. Paulo era apenas um apóstolo que pregava o evangelho, um dos corruptos. Assim, suas palavras não são o padrão para entrar no reino dos céus. Como você pode acreditar no que Paulo disse em vez da palavra do Senhor Jesus? A palavra de Paulo pode representar a palavra de Deus?”

    Neste ponto, o irmão Wang disse, pensando: “Certo! Paulo não é Cristo. Ele, como nós, era um ser humano corrupto. E ele chegou a ser chefe dos pecadores que resistiram a Deus. O que ele disse é a palavra do homem, não a verdade! Como a palavra do homem pode ser comparada com a palavra do Senhor Jesus? O Senhor Jesus nunca havia testemunhado que a palavra de Paulo era a verdade. Mesmo que algumas das palavras de Paulo estejam de acordo com a verdade, só podemos dizer que elas foram iluminadas pelo Espírito Santo. Elas ajudam alguns irmãos e irmãs, mas não podem representar a palavra de Deus. Nós sempre exaltamos o que Paulo disse em vez de exaltar a palavra do Senhor Jesus. Que idiotas somos!”

    Ouvindo essas palavras, fiquei sem fala. O entendimento deles me deixou envergonhado. Meu coração estava uma confusão e me senti horrível por dentro. Para aliviar o constrangimento, levantei-me para pegar água. Então, eu disse para mim mesmo: o que eles comungaram é verdadeiramente prático. É um problema que eu nunca havia pensado em todos os anos da minha crença. Poderia ser a iluminação do Espírito Santo? De que outra forma eles poderiam ter um entendimento tão puro? Em todos esses anos, eu sempre agi de acordo com as palavras de Paulo, acreditando que o sofrimento e o trabalho duro são formas de cumprir a vontade do Pai celestial, e que eu certamente entraria no reino dos céus, se continuasse seguindo esse caminho. Mas o que eles comungaram hoje é um fato. Embora trabalhemos com fervor durante anos, ainda pecamos com constância. Possuindo essa natureza pecaminosa, realmente estamos aptos para entrar no reino dos céus? Parece que entrar no reino dos céus não é o que eu imaginava. Eu deveria buscar com mais cuidado, em vez de manter a minha opinião. Se eu seguir mesmo o caminho errado, vou me arrepender por toda a minha vida.

    Naquele dia depois da reunião, voltei para casa e continuei a buscar: Nós realmente não podemos entrar no reino dos céus através do trabalho pelo Senhor?

    Por Xiaochen


    Veja também:
    1-A senda para entrar no reino dos céus
    2-O mistério do reino de Deus escondido na oração do Senhor

    Etiquetas:

    Por favor, leia e concorde com a nossa política de privacidade abaixo para começar a conversar com a gente.

    Você leu e concordou com a nossa política de privacidade?