Domingo, Agosto 18
BÍBLIA DE ESTUDO

    Como educar seu filho que é viciado em jogos online

    Era uma noite de verão, o parque estava muito animado. Havia crianças brincando, alguns adultos conversando casualmente e outros dançando ao som de música.

    Preocupada, Zhao Fan sentou-se em um banco sozinha, pensando: Quando meu filho era mais novo, sempre se agarrava a mim e falava comigo sem rodeios.” Na medida em que crescia, passou a ter atividades, passatempos, estilo de vida próprios e tornou-se irritadiço. Além do mais, começou a passar muitas horas jogando no computador. Eu tenho chamado a atenção dele muitas vezes, mas ele nunca me ouve. Toda vez que tento ter uma conversa sincera com ele, sempre nos desentendemos depois de trocar algumas palavras. Sinto que nos tornamos cada vez mais distantes um do outro. Como resultado, estou física e mentalmente exausta. O que faço?

    “Com licença, sua bolsa caiu no chão.” Uma voz infantil interrompeu seus pensamentos.

    “Oh, obrigada.” Zhao Fan pegou a bolsa, acariciou a cabeça da menina, sorriu e depois foi para casa.

    Ao chegar em casa, Zhao Fan viu seus dois filhos sentados juntos jogando. “Vamos lá! Vamos!”, a filha de dez anos gritava para o irmão. “Ah! Você perdeu novamente. Como você pode ser tão bobo?!”

    Como educar seu filho que é viciado em jogos online
    Fonte: www.freepik.com

    Ao ouvir isso, Zhao Fan ficou mais nervosa e bateu a porta com força.

    A filha levantou a cabeça e disse: “Oi, mãe.”

    “Vocês dois não fazem nada mais que jogar dia todo”, Zhao Fan disse irritada para os dois filhos. “Poderiam fazer alguma coisa útil?” Como eles não mudaram de atitude, ela ficou ainda mais irritada. “Estou falando com vocês, não me ouviram?”

    A filha calou-se e saiu arrastando os pés.

    Zhao Fan controlou a raiva e se aproximou do filho: “Os jogos vão lhe sustentar ou ajudar com as notas? Você joga o dia todo como estivesse possuído. Mesmo quando está comendo, está com os olhos grudados no celular. O telefone é o que você tem de mais precioso?”

    O filho a encarou rapidamente com impaciência, logo baixou a cabeça e continuou jogando. Vendo isso, Zhao Fan teve vontade de pegar o telefone e quebrá-lo.

    Naquele momento, a filha veio até ela e disse: “Mãe, não se irrite. Por favor, faça o jantar da gente. Não tomamos nem café da manhã. Estamos morrendo de fome.

    “Eu não vou fazer jantar hoje à noite. Vocês dois joguem o quanto quiserem. Em todo o caso, vocês não me ouvem, então não vou mais me importar com vocês.” Dizendo isso, Zhao Fan foi para o quarto, batendo a porta com raiva.

    Sentada na cama, Zhao Fan foi se acalmando e pensou: Não importa o que diga, meu filho nunca me escuta. Agora, o vício em jogos continua e nosso relacionamento está ficando mais e mais difícil. Por que eu estava tão zangada com ele? Era simplesmente por causa do vício do jogo, ou porque ele não me escutava? Existia algum outro motivo? O que me fez perder o controle? Não tendo ideia do que fazer, Zhao Fan se colocou diante de Deus e contou-lhe sua dificuldade. Depois da oração, ela pensou nas palavras de um livro, “Deus tem uma percepção exagerada de Sua posição, como dizem algumas pessoas? Dizendo a você: ‘Eu sou o maior de todos, sou Eu que tomo conta de vocês, todos vocês devem implorar a Mim por misericórdia e a desobediência será punida com a morte’. Deus já ameaçou a humanidade desse jeito? (Não.) Ele já disse que ‘a humanidade é corrupta, portanto, não importa como Eu os trato, qualquer tratamento arbitrário servirá; Eu não preciso arranjar as coisas muito bem para ela.’ Deus pensa dessa maneira? Deus agiu dessa maneira? (Não.) Pelo contrário, o tratamento de Deus para cada pessoa é sério e responsável, mais responsável até do que você é por si mesmo. Não é assim? Deus não fala em vão, nem assume ares de superioridade, nem se satisfaz enganando as pessoas. Em vez disso, Ele está honesta e silenciosamente fazendo as coisas que Ele Próprio precisa fazer.

    Pensando nessas palavras, Zhao Fan concluiu: Deus é o Criador e Mestre do universo; Ele é supremo e santo, mesmo assim, humilhou-se para transmitir a verdade na terra e sofreu muito ao realizar Sua obra de salvação. Embora muitas vezes não soubéssemos a vontade de Deus e até mesmo nos rebelássemos contra Ele, Deus nunca usou Sua identidade e status para exigir algo de nós, nem desencadeou Sua ira sobre as pessoas ao seu bel-prazer. Apenas faz o seu trabalho entre nós de acordo com Seu plano e seu próprio modo de tocar nossas almas com a Sua palavra, acompanhando-nos o tempo todo e nunca abriu mão da salvação por nossa causa. A essência de Deus é tão bonita e boa que nenhum de nós consegue alcançá-la. E eu, o que faço? Embora tenha perdido a paciência com meu filho ao educá-lo, não há como negar que deixei transparecer minha natureza arrogante. Eu sempre o eduquei e critiquei, pensando que sendo sua mãe tudo o que fiz foi certo, para o bem dele e que ele deveria me obedecer. Quando ele não me escutava, ficava tão aborrecida e até perdia a paciência com ele. Isso é um comportamento de um cristão devoto? Embora eu tenha dado à luz a meu filho, diante de Deus, somos ambos seres criados corrompidos na essência por Satanás. Que moral eu tenho para repreender o meu filho? Era muito irracional da minha parte usar a posição de mãe para tentar forçá-lo a me ouvir e agir de acordo com a minha vontade. Pensando nisso, Zhao Fan sentiu ainda mais vergonha de sua arrogância e presunção e foi tocada pela essência santa e boa de Deus.

    Então Zhao Fan acalmou seu coração para buscar a verdadeira maneira de melhorar o seu relacionamento com o filho, e para trazê-lo diante e de Deus para livrá-lo do vício em jogos. Sabia que sozinha não era capaz de levar o filho ao caminho certo. Só Deus poderia fazer isso. Ela estava disposta a se colocar de lado e confiar completamente seu filho a Deus. Não queria mais viver sob o jugo de satanás, pois isso destruiria seu relacionamento com o filho e a deixaria nervosa e aflita.

    Um dia, quando Zhao Fan viu o filho jogando novamente, ficou tão irritada que na verdade queria desligar o computador como das vezes anteriores. No entanto, ela se lembrou da decisão que havia tomado diante de Deus, e controlou a raiva e de imediato buscou a Deus em seu coração. Depois da oração, lembrou-se de duas passagens: “Se confiar no seu conhecimento e na sua habilidade em seus empreendimentos, você sempre será um fracasso e sempre estará destituído das bênçãos de Deus” “O coração e o espírito do homem são guardados na mão de Deus, tudo de sua vida é observado pelos olhos de Deus. Não importa se você acredita nisso ou não, todas e cada uma das coisas, vivas ou mortas, vão se transformar, mudar, se renovar e desaparecer de acordo com os pensamentos de Deus. Tal é a maneira pela qual Deus preside sobre todas as coisas” tais palavras iluminaram seu coração e ela ponderou: É verdade. Se eu me apoiar em meus próprios métodos, sempre vou fracassar. Os pensamentos e ideias do meu filho não estão nas mãos de Deus? Então ela orou a Deus em silêncio: “Oh Deus, estou disposta a entregar tudo em Suas mãos e deixar que o Senhor ponha tudo em ordem para mim.” Como um milagre, enquanto meu filho brincava bem-humorado, o teclado parou de funcionar. A contragosto, ele desligou o computador, dizendo: “Que estranho”. Vendo isso, Zhao Fan agradeceu muitas vezes a Deus em seu coração. Na ocasião, ela quis ter uma conversa sincera com o filho, mas antes que pudesse tentar, ele disse que tinha dever de casa para fazer. Então Zhao Fan orou para que Deus lhe preparasse uma oportunidade adequada e se dispôs a obedecer a Seus desígnios.

    Durante o jantar, o filho dela disse: “Mãe, a vida é tão chata. Quando estava na escola, queria férias para relaxar e brincar como quisesse, mas agora acho tudo ainda mais chato”.

    Zhao Fan disse: “Querido, você sabe o motivo? Neste mundo, todos têm passatempos e objetivos que consideram bons e adequados. Então, por que nos sentimos mais vazios quando conseguimos o que queremos? É porque nossos desejos vêm de Satanás. Não podem preencher o vazio, apagar as preocupações em nosso coração nem constituir nossa vida. Somente quando nos aproximamos de Deus e seguimos Suas palavras, podemos ter paz e alegria. Que tal depois lermos algumas das palavras de Deus juntos?”

    Ele concordou e sua filha que estava sentada ao lado dele disse: “Mãe, eu também quero ler as palavras de Deus”.

    Vendo a maravilhosa obra de Deus, Zhao Fan expressou em seu coração gratidão e louvor a Deus e disse alegremente: “Está bem. Vamos ler a palavra de Deus juntos depois do jantar.”

    Depois do jantar, Zhao leu a passagem das palavras de Deus intitulada “Primeiro, os crentes precisam discernir as tendências malignas do mundo” para os filhos. Com essa leitura, o filho dela soube que jogos de computador são ferramentas de Satanás para prejudicar o homem, e que se continuasse jogar, ele se tornaria cada vez mais degenerado. Entendendo isso, disse que escutaria mais as palavras de Deus e jogaria menos. No entanto, como não conhecia as maneiras de Satanás prejudicar o homem, continuou a jogar on-line e só lia a palavra de Deus de vez em quando. Vendo isso, Zhao Fan ficou preocupada e ao mesmo tempo esperançosa de que ele se livrasse da escravidão de Satanás o mais rápido possível para que pudesse ter uma vida normal. Mas ela não podia fazer nada para ajudá-lo. Sentindo-se totalmente incapaz, ela só podia orar a Deus.

    Depois de orar muitas vezes, Zhao Fan encontrou o caminho para praticar a palavra de Deus: tratar pessoas diferentes com princípios diferentes e de acordo com suas virtudes. Pensou: Devo conversar mais com meu filho sobre minha própria experiência da palavra de Deus para que ele não se sinta tão pressionado.

    Um dia após o jantar, Zhao Fan entrou no quarto do filho enquanto ele estava jogando no smartphone. Depois que ela se sentou, ele a olhou e perguntou: “O que foi, mãe?”

    “Bem, eu só queria conversar com você”, disse sorrindo.

    Um pouco surpreso, colocou o telefone de lado e perguntou: “Sobre o quê?”

    “Bem, nada de especial. Estou sentindo que nem lhe conheço mais. Desde que você entrou no ensino médio, dediquei muito tempo ao meu trabalho e não lhe dei muita atenção. Toda vez que você queria falar comigo, eu simplesmente não tinha tempo ou não prestava atenção. Às vezes, quando você se metia em confusão, eu sempre fazia críticas e impunha meus pensamentos. Eu nunca entendi você de verdade. Então, acho que talvez possamos conversar hoje e falar o que pensamos. Você poderia me contar sobre sua vida na escola, se há alguém ameaçando, amizades que você fez, ou como você tem lidado com coisas desagradáveis. Não quero invadir sua privacidade. Só quero que tenhamos uma conversa sincera para que eu saiba mais sobre você,” disse Zhao Fan com calma.

    Ouvindo isso, o filho dela falou alegremente sobre o que tinha acontecido entre ele e os colegas. Zhao Fan ouviu atentamente e então com calma o ajudou com trechos da palavra de Deus dos quais ela tinha compreensão e com suas próprias experiências, ensinando ao filho com quem fazer amizade, como se dar bem com as pessoas, quais os maus hábitos ele deveria abandonar e várias outras coisas. Naquela noite, o filho dela ficou visivelmente feliz, falou muito contente sobre seu futuro e passatempos. E Zhao Fan guiou-o de acordo com a palavra de Deus, ajudando-o a estabelecer a atitude de vida correta. A conversa acabou com o mal-entendido entre eles, estreitou ainda mais o relacionamento e puderam conversar sem reservas, como bons amigos.

    A partir daquele momento, ele passou a contar primeiro para Zhao Fan quando tinha algum problema e Zhao Fan ouvia com atenção e para ajudá-lo, buscava a verdade na Palavra de Deus. Às vezes, quando o filho era malcriado e impaciente, Zhao Fan logo orava a Deus em busca da verdade. Depois que ele se acalmava, ela o ajudava a perceber o mal que fazia às pessoas ao seu redor quando falava e agia conforme dispunha satanás. Quando ele voltava a jogar, Zhao Fan orava por ele e comungava com ele que jogos de computador eram ferramentas que Satanás usava para prejudicar o homem, para que ele pudesse ver a real essência dos jogos, agir com base nas palavras de Deus e ter a determinação para abandonar o jogo. Sem que se dessem conta, a relação entre eles se tornou cada vez mais próxima e o filho se dispôs a compartilhar com ela problemas e alegrias. Além disso, ao ler as palavras de Deus, ele passava cada vez menos tempo jogando, tornando-se cada vez mais ajuizado. Vendo esses efeitos, Zhao Fan ficou grata a Deus em seu coração. Se não fosse pelo comando de Deus, eles não teriam interagido em pé de igualdade, o relacionamento deles não teria melhorado tanto e o vício em jogos do filho não teria sido resolvido. Tudo isso foram bênçãos de Deus!

    Por Liu Mei


    Veja também:
    1-Educação cristã: Finalmente “recuperei” meu querido
    2-Educação familiar: a transformação de uma “estúpida mãe passarinho”

    Por favor, leia e concorde com a nossa política de privacidade abaixo para começar a conversar com a gente.

    Você leu e concordou com a nossa política de privacidade?